Qualidade de vida no trabalho

Técnicas para manter o controle emocional no trabalho

Daniela Haidar Chohfi -

Percebe-se hoje em dia que as pessoas estão trabalhando cada vez mais em virtude de vários motivos, tais como: metas agressivas, situação econômica do país, muitas cobranças, acumulo de funções, entre outros motivos.

Em virtude deste cenário que estamos vivendo, é muito comum encontramos dificuldade para conciliar a vida profissional com qualidade de vida.

É claro que o trabalho é importante para a maioria de nós, pela realização de objetivos pessoais e financeiros, mas isto não pode comprometer o nosso bem-estar e saúde emocional.

Por isso, é fundamental que encontremos o equilíbrio entre a vida pessoal e profissional, para que consigamos atingir altos níveis de performance.

A harmonia dentro e fora do trabalho é muito importante para o desenvolvimento profissional e sem este equilíbrio torna-se quase impossível ser bem-sucedido nas duas áreas da vida, podendo causar problemas de ordem física e psicológica. Tais como:

Problemas Psicológicos: depressão, ansiedade, síndrome de burnout, síndrome do pânico, etc.

Problemas nas relações familiares e sociais: problemas de relacionamento amoroso, com familiares ou de amizades.

Problemas físicos e doenças no corpo: dores na lombar, tendinite, dores de cabeça e musculares, somatizações, etc.

Queda na produtividade: comprometimento de resultados, limitação das habilidades criativas, dificuldade de raciocínio, etc.

DICAS PARA MANTER O CONTROLE EMOCIONAL:

Procure não levar trabalho para casa: É muito comum levarmos os assuntos, problemas e afazeres do trabalho para casa. Atualmente, com a tecnologia e uso do e-mail profissional no celular é muito fácil trabalhar ininterruptamente – mas isso pode acabar sobrecarregando o cérebro. Aprenda a desligar, a criar a sua pausa, seu momento, para que quando retornar ao trabalho, esteja mais descansada, focada e motivada. Tente deixar os assuntos pendentes para serem resolvidos durante o expediente, pois fora do ambiente profissional, o ideal é termos momentos de descanso e de dedicação a nós mesmos.

Cuide de sua saúde: É muito importante fazer uma análise de sua saúde e avaliar o que pode ser melhorada. Preste atenção em sua saúde emocional, física e espiritual. Observe se tem emoções em desequilíbrio, busque ajuda e autoconhecimento.

Aprenda a dizer NÃO: Em determinados momentos de nossa vida pessoal e profissional, temos dificuldade em dizer “não” e isso é um grande problema para a produtividade e o gerenciamento de tempo. Muitas pessoas apresentam a tendência a aceitar todas as demandas que chegam e desta forma acabam se acumulando de trabalho ou de responsabilidades, sem que haja tempo para a execução.

Planeje-se e tenha disciplina: A organização e o planejamento costumam resolver muitos problemas. Sendo assim, planejar e ter disciplina nos horários pode ajudar a equilibrar a sua vida pessoal e profissional. Procure estabelecer uma rotina diária, definindo sempre suas prioridades.

Fique longe de pessoas negativas e pessimistas: Como sabemos o  estresse é um grande causador de problemas emocionais e físicos. Por isso, é fundamental dar valor ao que realmente importa e abstrair muitas coisas que acontecem no dia-a-dia. Para isso, evite o negativismo de outras pessoas que podem lhe causar estresse desnecessário.

Reserve tempo para suas relações: dedicar tempo às pessoas que nos cercam é extremamente necessário. Busque ter momentos ao lado de amigos e familiares, visando para evitar o agravamento de doenças psicológicas.

Evite atitudes intempestivas ou impulsivas: A impulsividade se caracteriza por reações impensadas e repentinas. O comportamento impulsivo pode ser estimulado através de intromissões sociais, como: causar confusões, interromper excessivamente os outros, provocações, tomada de decisões precipitadas, que em sua maioria podem ter implicações agravantes. Lembre-se de que determinadas atitudes impensadas, podem ter conseqüências desastrosas.

Faça exercícios de respiração e meditação: A meditação no trabalho ajuda a aumentar a capacidade de manter o foco, melhora a criatividade e potencializa o autoconhecimento. Ter momentos de relaxamento, são fundamentais para aumentar a sua performance e cuidar de sua saúde emocional.

Estimule sua capacidade de aprendizado: Aprender coisas novas, que não estejam relacionadas à vida profissional, nos ajuda a desenvolver a capacidade de aprendizado e estimula nossa mente. Procure dedicar tempo para aprender novidades que lhe estimulem de forma prazerosa.

Divirta-se: No momento em que perdemos a alegria no trabalho é sinal de que algo não vai muito bem, por isso, divertir-se é tão importante e é o ponto inicial da busca por equilíbrio. A diversão é fundamental na vida profissional e na vida pessoal, então procure sair com os amigos, passear com a família e dar boas risadas na companhia de pessoas queridas para ter bem-estar na vida.

Resumindo, torna-se fundamental refletir que o equilíbrio é muito  importante em nossas vidas, ou seja, tudo que exageramos nos faz mal de alguma forma. Precisamos aprender a equilibrar nossa vida profissional e a vida pessoal, para que tenhamos uma boa saúde emocional.

Texto escrito por: Renata Tavolaro

Deseja trabalhar o seu controle emocional? Na OrienteMe, é possível falar com especialistas todos os dias, por meio do smartphone ou computador, de forma anônima, sem ter que marcar horário. Gostaria de ser atendido/a pela Renata? Clique aqui e em seguida no botão “Atenda Comigo”.

Mais sobre Saúde Ocupacional

Importância de treinamentos sobre gerenciamento de estresse para equipes

Atuação estratégica do RH pode evitar transtornos mentais relacionados ao trabalho

Doenças mentais incapacitantes para o trabalho

E-BOOK GRATUITO

e-Book Segurança Psicológica: o guia completo para criar equipes inovadoras​