Empresas com diretrizes globais, problemas emocionais locais

Muitas pessoas sonham em trabalhar em empresas multinacionais. Os desafios e o status que uma companhia global oferece fazem brilhar os olhos de quem busca uma carreira estável e de sucesso. Entretanto, o que poucos sabem é que lidar com diretrizes globais pode ser mais complicado do que se imagina.

Cada empresa tem a sua cultura e adaptá-las para a realidade dos diversos países em que se está inserida é uma das principais dificuldades dos RHs. Afinal, é preciso adotar metodologias únicas para cada um dos cenários diferentes em que ela está inserida. 

A chegada da pandemia e o isolamento social também tiveram um grande impacto nas diretrizes globais dessas companhias. O fuso-horário diferente, as leis trabalhistas locais e o estilo de vida dos profissionais afetaram a relação entre o trabalho e a saúde mental dos colaboradores. 

Esse fato fez com que muitas das empresas buscassem ampliar os seus programas de qualidade de vida no trabalho, oferecendo alternativas para aliviar a pressão e o estresse causado por essa nova realidade. 

Como lidar com questões locais sem ferir o regimento global?

Empresas que investem no bem-estar dos funcionários mas que têm de seguir regras globais sofrem as muitas maneiras de lidar com a saúde mental dos seus funcionários, já que elas mudam de país para país. Entretanto, é fundamental buscar alternativas para cuidar da saúde mental dos colaboradores de forma regionalizada. 

O primeiro passo para isso é educar as lideranças, de forma que elas não firam o regimento global, mas não deixem de prestar atenção no trabalho e na saúde mental do seu time. Incentivar reuniões semanais, para discutir as demandas, ouvir o time e buscar soluções em conjunto pode ser uma boa forma de perceber sutis mudanças de comportamento. 

Outra alternativa para os RHs é oferecer, dentro do seu programa de qualidade de vida no trabalho, atividades para que os colaboradores tenham um cuidado especial com a saúde emocional, principalmente para aqueles que já demonstram sinais de estafa mental, níveis de ansiedade acima do normal e burnout. Essas dicas também podem ser adotadas em casos onde a empresa não tem um programa de qualidade de vida no trabalho mas, busca mudanças em suas equipes e times.

A terapia fornece auxílio para essas questões sem ferir as diretrizes globais. Ela pode estar disponível no pacote de benefícios por meio de plataformas que, além de oferecerem um psicólogo online, podem medir os níveis de estresse e ansiedade do time, incentivar a meditação e os exercícios de respiração, com o intuito de melhorar a qualidade de vida dos colaboradores

Você conhece a OrienteMe? Venha saber como podemos contribuir para a saúde emocional da sua equipe de forma prática, personalizada e leve. CLIQUE AQUI para entender mais sobre nossa plataforma de saúde emocional corporativa. 

Gostou do artigo, compartilhe com a rede!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Você também pode gostar

ORIENTEME NA SUA EMPRESA!

Deseja mapear a saúde emocional da sua empresa, oferecer atendimento psicológico aos colaboradores e acompanhar a evolução da saúde emocional das equipes? Solicite um orçamento no botão abaixo e entraremos em contato o quanto antes.

Deseja solicitar um orçamento para sua empresa?

ORIENTEME PARA VOCÊ!

Deseja falar com seu psicólogo por mensagens e videochamadas, quando e onde quiser?

Conheça mais os nossos planos!

INDIQUE A ORIENTEME PARA SUA EMPRESA!