Orienteme Saúde Ocupacional e Bem Estar corporativo

Qualidade de vida no trabalho

One-on-One (1:1): benefícios, como fazer e perguntas

Raquel Almeida -

Reuniões one-on-one, ou 1:1, são capazes de transformar o ambiente de trabalho por serem excelentes oportunidades para líderes e liderados se conectarem regularmente. Nesses encontros, é possível discutir o progresso das ações, trocar feedbacks e resolver problemas. 

Quando realizadas da maneira correta, as reuniões one-on-one podem melhorar o desempenho, a motivação e a satisfação dos colaboradores. No entanto, muitos líderes e colaboradores ainda subestimam o poder desses encontros estratégicos. 

Aprofundar-se nessa prática é crucial para qualquer organização que almeje sucesso e harmonia interna. Por isso, hoje desvendaremos os benefícios das reuniões one-on-one para conduzi-las eficazmente.

Boa leitura!

O que é one-on-one?

One-on-one é uma expressão em inglês que pode ser traduzida literalmente para “um a um” e se refere a um encontro entre duas pessoas. Essa interação é geralmente realizada para discutir assuntos específicos, permitindo um diálogo aberto e direto. Em ambientes de trabalho, essas reuniões podem ser fundamentais para o desenvolvimento profissional e a troca de feedbacks.

Durante um one-on-one, líderes e colaboradores têm a oportunidade de estabelecer objetivos, alinhar expectativas e resolver questões pendentes. A configuração face a face desses encontros promove uma comunicação mais eficaz e ajuda a fortalecer relações profissionais. São momentos ideais para reflexões profundas sobre:

  • performance;
  • carreira;
  • crescimento pessoal.

Qual a diferença entre one-on-one e feedback?

As reuniões one-on-one são encontros individuais entre um gestor e seu colaborador. Esses momentos são essenciais para a construção de um relacionamento profundo e uma comunicação eficaz dentro da equipe. 

Durante um one-on-one, abordam-se temas variados, desde progresso de projetos até desenvolvimento pessoal e profissional. Este é um espaço aberto para discussão, onde ambas as partes podem compartilhar ideias, preocupações e objetivos.

Já o feedback é um componente específico que pode ocorrer em uma reunião one-on-one ou em outros contextos. Trata-se de uma avaliação direcionada ao desempenho do colaborador, fornecendo informações claras sobre o que está indo bem e o que pode ser melhorado. 

O feedback é fundamental para o crescimento profissional, pois orienta o colaborador sobre como ele pode evoluir em sua função.

Apesar de distintos, one-on-one e feedback se complementam. Na prática, um one-on-one efetivo frequentemente inclui momentos de feedback positivo e feedback negativo, mas vai além, criando uma dinâmica mais rica e multidimensional. Um bom gestor sabe equilibrar esses dois elementos para motivar sua equipe e promover um ambiente de trabalho saudável e produtivo.

Quais são os benefícios do one-on-one? 

O one-on-one é benéfico tanto para a empresa quanto para os colaboradores por seu caráter construtivo em prol de uma boa comunicação. Confira como cada parte pode ser beneficiada por reuniões one-on-one:

Benefícios para a empresa

Reuniões individuais, ou one-on-one, são vitais para o crescimento de qualquer empresa. Elas criam um canal aberto e confiável entre gestores e suas equipes. Isso leva a uma comunicação mais eficaz e ao alinhamento de metas. E mais, esses encontros promovem um ambiente onde o feedback é valorizado, incentivando o desenvolvimento profissional contínuo.

Além disso, as reuniões one-on-one ajudam a identificar e resolver problemas rapidamente. Quando os colaboradores têm um espaço seguro para compartilhar preocupações, gestores podem agir antes que pequenos problemas se transformem em grandes obstáculos. E não apenas isso: esses momentos fortalecem os laços entre líderes e equipes, aumentando o engajamento e a lealdade à empresa.

Os benefícios das reuniões one-on-one também se refletem nos resultados da empresa. Equipes que se sentem ouvidas tendem a ser mais produtivas e inovadoras. Afinal, quando há clareza nas expectativas e suporte para alcançá-las, colaboradores se sentem motivados a superar desafios. Assim, com esses encontros regulares, as empresas cultivam uma cultura de alta performance onde todos são impulsionados a contribuir com o seu melhor.

Benefícios para o colaborador

Os encontros one-on-one oferecem vantagens significativas para o colaborador. Uma delas é a atenção personalizada, que possibilita um feedback construtivo e direcionado. Com essas reuniões individuais, o funcionário recebe orientações claras sobre seu desempenho, pontos de melhoria e reconhecimento de suas conquistas. Isso promove não apenas o crescimento profissional, mas também eleva a motivação.

E mais, os encontros one-on-one são espaços seguros para os colaboradores expressarem suas preocupações e ideias. Nessas conversas, eles têm a oportunidade de discutir desafios e buscar soluções conjuntas com seus líderes, o que resulta em maior engajamento e sentimento de pertencimento à empresa.

Além disso, tais reuniões reforçam a importância do desenvolvimento de carreira. Durante esses momentos, podem ser estabelecidos planos de ação e metas alinhadas com os objetivos pessoais do colaborador e os da organização. Assim, há um estímulo contínuo ao aprendizado e à busca por novas competências.

Como fazer uma boa reunião de one-on-one?

Tenha em mente que, ao realizar uma reunião one-on-one, diversos fatores qualitativos devem ser avaliados e não somente quantitativos. Metas e compromissos são fundamentais para o crescimento de uma organização, mas não são possíveis sem que o colaborador esteja satisfeito.

Portanto, certifique-se de cobrir as seguintes áreas:

  • Desempenho: Discuta o desempenho do seu liderado no trabalho. Dê feedback positivo e construtivo e defina metas para o futuro.
  • Desenvolvimento profissional: Discuta o desenvolvimento profissional do seu liderado. Ajude-o a identificar suas metas e a desenvolver um plano para alcançá-las.
  • Melhorias: Discuta áreas em que o seu liderado pode melhorar. Forneça orientação e suporte para ajudá-lo a fazer as melhorias necessárias.
  • Bem-estar: Abra espaço para o colaborador relatar como está se sentindo no ambiente de trabalho. Um bom relacionamento com colegas de trabalho e um ambiente de trabalho saudável proporcionam bem-estar e a satisfação, influenciando diretamente no engajamento e na produtividade.
  • Questões pessoais: Se o seu liderado tiver alguma questão pessoal que esteja afetando seu trabalho, esteja disponível para ouvi-lo e oferecer apoio.

No TedTalk “Tem uma reunião? Vá dar uma caminhada”, a Business Innovator Nilofer Merchant sugere uma pequena ideia que pode ter um grande impacto nas reuniões one-on-one que você realiza: no caso de reuniões presenciais, dê uma caminhada para deixar as ideias fluírem enquanto passeiam e conversam.

Confira:

10 exemplos de perguntas para suas one-on-ones

As reuniões one-on-one são essenciais para fortalecer a relação entre líderes e suas equipes. Para torná-las produtivas, prepare perguntas-chave. Aqui estão algumas sugestões:

  1. “Quais desafios você enfrentou recentemente no trabalho?”
  2. “Existem recursos de que você precisa e que atualmente não tem acesso?”
  3. “Como você avalia seu progresso em relação aos seus objetivos profissionais?”
  4. “De que forma posso apoiar melhor seu desenvolvimento?”
  5. “Há alguma preocupação com a equipe ou empresa que você gostaria de discutir?”
  6. “Você sente reconhecimento pelo seu trabalho? O que mais lhe motiva?”
  7. “Quais são suas aspirações de carreira a longo prazo?”
  8. “Como você vê o seu papel atual evoluindo para ajudar a atingir essas metas?”
  9. “Existe algum projeto específico em que você gostaria de trabalhar?”
  10.  “Quais são suas prioridades para a próxima semana? E para o próximo mês?”

Definição dos próximos passos: como fazer o one-on-one

O sucesso de uma reunião one-on-one depende do comprometimento das duas partes participantes. No que diz respeito à gestão, alguns pontos cruciais merecem atenção para resultarem em uma conversa com trocas satisfatórias:

Preparação 

Antes do encontro, defina os tópicos que deseja discutir. Isso mantém a conversa focada e produtiva. Encoraje o mesmo do seu colaborador para que ambos tenham a chance de abordar pontos importantes.

Tempo da reunião

Reserve um momento para cada assunto e garanta que haja espaço para feedback bilateral. Lembre-se, o objetivo é trocar ideias e construir um diálogo aberto.

Ambiente

O ambiente também desempenha papel crucial. Escolha um local tranquilo, onde não sejam interrompidos. Isso mostra respeito e valorização do tempo um do outro. 

Comunicação

Certifique-se de que ambos saiam do encontro com ações claras a serem tomadas. Isso transforma discussões em resultados concretos.

Troca satisfatória

Lembre-se de que a one-on-one é uma via de mão dupla. Ouça ativamente e demonstre empatia. Esses encontros não são apenas sobre negócios, mas também sobre desenvolvimento pessoal e profissional.

Conte com a orienteme para desenvolver seus colaboradores!

Desenvolver colaboradores é um pilar essencial para o crescimento da empresa. Reuniões one-on-one são estratégias eficazes, pois proporcionam um ambiente de feedback sincero e apoio personalizado, além de serem cruciais para identificar pontos de melhoria e talentos ocultos.

Para isso você pode contar com a orienteme! Somos uma plataforma que conecta colaboradores a uma vida mais saudável por meio de psicoterapia, orientação nutricional e orientação física, porque a saúde é composta por um olhar holístico.

Ao contratar a plataforma para sua empresa, os colaboradores ganham acesso a profissionais de psicologia, nutrição e orientação física com certificação e experiência.

Mais sobre Saúde Ocupacional

O que é um Coach físico para empresas? Vale a pena?

O que é a ergonomia no trabalho, qual a importância e como desenvolver

Como escolher a nutricionista ideal para sua empresa

E-BOOK GRATUITO

e-Book Segurança Psicológica: o guia completo para criar equipes inovadoras​